Quem sou eu

Minha foto
Somos Três universitários de cursos dinstintos e diferentes áreas de atuação e conhecimento, mas com o mesmo propósito de informar e discutir assuntos com seriedade e responsabilidade!

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Governo do estado do Rio de Janeiro, "governando para os ricos"

Leiam a matéria abaixo que irão me entender:

Rio quer baixar imposto de energia, telefone e combustível

O governo do estado enviou à Assembleia Legislativa (Alerj) um projeto que reduz de 5% para 2% o adicional do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) cobrado dos setores de energia, telefonia e combustíveis, e repassado ao Fundo Estadual de Combate à Pobreza (FECP). Para o presidente do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), João Eloi, o consumidor só será beneficiado com a redução das contas de telefone e luz e dos preços dos combustíveis, se as empresas repassarem o desconto. Quem gasta R$ 80 de luz desembolsaria R$ 77,60.

Fonte: Jornal Extra (Caderno principal, pág. 14 - 19/11/2010).

Resumindo a história toda: além de reduzir ou extinguir (sabe-se lá) a verba usada para combater a pobreza, essa medida vai aumentar consideravelmente as receitas das empresas, que pelo visto, não serão incomodadas em repassar tais descontos Tributários ao consumidor, ou seja, o Governo Estadual está querendo atacar os pobres de duas maneiras diferentes, defendendo os empresários dos setores beneficiados.
Não sei quem nesse Governo é tão inocente a tal ponto de acreditar que essa redução de impostos chegará ao preço final dos produtos, se essa ação realmente não for obrigatória. Ou será que os criadores desse projeto acreditam que as duas empresas distribuidoras de energia do estado (que detém o monopólio em suas áreas de atuação), irão reduzir as tarifas se não há concorrência? Também quero ser um pouco ingênuo, para acreditar que a telefonia e os combustíveis reduzirão seus preços, graças a concorrência que "ainda" existe nessas áreas.

Por: Rodrigo Sermud.

4 comentários:

  1. Se cobram imposto é ruim, se baixam o imposto é ruim.. afinal, o que é bom?

    ResponderExcluir
  2. Rodrigo Sermud20/11/2010 13:01

    O ruim não é baixar os impostos, o ruim é baixar os impostos e a redução não ser repassada aos consumidores.

    ResponderExcluir
  3. todos os eleitores tem o governante que merece

    ResponderExcluir
  4. Ficaria muito feliz se vcs informassem sobre politica principalmente da regiao dos lagos, seria uma forma de manter o eleitor orientado contra os maus politicos, e passassem a conhecer os bons...

    ResponderExcluir